Sindicato solicitou que os exames médicos possam ser apresentados após o processo de designação do servidor

Carta do sindicato enviada ao Governo de Minas Gerais

Sind-UTE/MG solicita medidas sobre designação 2016

Um processo transparente, construído com a participação efetiva da categoria e que rompesse com a lógica de estrangulamento das escolas e de punição dos trabalhadores, além de respeitar o período de férias do/a professor/a. Estas eram premissas que deveriam ter sido respeitadas pelo Governo do Estado de Minas Gerais.

A preocupação da categoria com um quadro de escola que trouxesse melhores condições de trabalho fez com que a assembleia realizada, em maio de 2014, que votou pela assinatura do acordo com o governador incluísse a demanda da construção da resolução do quadro de escola para 2016 no acordo assinado. No entanto, a Resolução não foi construída com a participação da categoria e foi publicada no período de recesso, repetindo o que os trabalhadores em educação sofreram nos últimos anos. Profissionais em férias estão sendo convocados para distribuição de aulas.

Considerando o alto número de cargos que serão destinados à designação em 2016 e a estrutura da perícia médica, que não consegue agendar todas as consultas necessárias antes do início das designações e, visando um processo transparente e que cause o menor desgaste possível aos trabalhadores em educação, o Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG) solicitou nesta segunda-feira, dia 11 de janeiro, que as designações sejam centralizadas, de modo a evitar verdadeiras peregrinações de profissionais em busca de contratos por diversas escolas e para trazer mais transparência ao processo de designações, que serão superiores a 150 mil cargos este ano.

Além disso, o Sindicato também solicitou que os exames médicos possam ser apresentados após o processo de designação do servidor.

Aguardamos retorno do governo.

Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Geais (Sind-UTE/MG)


Recomendado para você

7 dicas VENCEDORAS para você ganhar a designação de 2018!

Cursos para Professor de Apoio da SEE MG: Saiba Quais Cursos Fazer

Designação SEE MG: Assistente Social, Fisioterapeuta, Fonoaudiólogo, Psicólogo ou Terapeuta Ocupacional – Analista de Educação Básica – AEB

Problemas com credenciamento dos certificados para as designações?

Diferença entre Curso Livre e Curso de Extensão Universitária

RESOLUÇÃO SEE Nº 3 643, DE 21 DE OUTUBRO DE 2017







Equipe Designação

Equipe Designação

5 Comments

  1. Olá pessoal!
    Essa perícia médica é para todos que queiram se candidatar a uma vaga para designação? Pelo que li, quem desejar apenas um contrato pode realizar os exames admissionais com qualquer ´médico, não necessariamente com profissionais do IPSEMG. Aguardo ansiosamente por uma resposta e desde já agradeço a atenção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *